10 coisas que aprendi depois que me tornei vegetariana

Sempre achei alimentação um troço muito pessoal: seu gosto, suas referências, lembranças, tudo ali, num pratinho, prestes a saciar sua fome (ou desejo).

E também acho alimentação algo muito mutável na minha vida. Tenho gostos que foram mudando com o passar do tempo, coisas que eu gostava e não gosto mais, e coisas que eu não gostava e hoje em dia como sem problemas. E recentemente, aconteceu o mais transformador: eu decidi virar vegetariana.

Claro que isso não foi uma ideia que surgiu DO NADA. Eu trabalhava isso na minha cabecinha há muito tempo, um desejo com falta de atitude, eu diria. Como agora preparo comida do dia-a-dia exclusivamente para mim (com exceção da amiga Gabi que vem almoçar todas as terças mas não se importa com o cardápio vegetariano, rs), eu percebi que seria o momento ideal.

Aos poucos, fui tirando carne do meu cardápio e do meu orçamento. Não sei dizer se os custos baratearam, talvez tenha ficado elas por elas, mas os pratos ficaram mais diversificados. 

Logicamente, eu conto com o privilégio de morar numa cidade onde mesmo sem ter carro, consigo estar em qualquer mercado da cidade em no máximo 25 minutos, além de poder contar com as feiras, lojas com produtos orgânicos/naturais/cerealistas, etc. 

Eu posso dizer que minha consciência está bem mais tranquila agora, embora eu ainda não seja vegana (que eu considero um passo mais adiante… uma coisa de cada vez!)

 

10 coisas que aprendi depois que me tornei vegetariana

  • Os restaurantes/lanchonetes tem poucas opções se você é vegetariano e às vezes compensa mais fazer sua comida/lanche em casa mesmo 🙁
  • Tem que ser bem específico ao explicar que você não come carne, de nenhum tipo. Pedi um lanche sem carne outro dia, mas veio presunto…
  • SEMPRE tem uma versão vegetariana pra maioria das coisas que você come. Já fiz até salsicha aqui em casa, hambúrguer…
  • Pra quem, como eu, come quase de tudo, admito que é BEM mais fácil. Adoro experimentar coisas.
  • Isso que você vai sentir falta da carne não é regra. Vai muito de cada um. Com o tempo você acostuma, principalmente se seu conceito for baseado ao não sofrimento dos animais. Até o cheiro deixa de ser atrativo e você come de boas seu churras de legumes enquanto a galera come carne.
  • Não existe “virou vegetariano e ficou chato”. Gente chata é chata sempre, independente da escolha alimentar, só que a gente nunca se dá conta até que doa na nossa consciência ou emita opinião sobre algo que gostamos. Reparem só.
  • Não acho nem mais fácil nem mais difícil cozinhar, mas a gordura da louça é menor.
  • Tem PTS (proteína de soja) boas e HORRÍVEIS. A primeira que comi era horrível. Dei uma segunda chance e achei uma bem boa. A forma como você prepara/tempera também influencia muito.
  • Comida japa vegetariana é SENSACIONAL. Mesmo. Feijoada ainda preciso comer uma que me surpreenda pra valer.
  • As pessoas ou te criticam muito por ser vegetariano/ tiram sarro/ debocham ou ficam curiosas. No fim das contas, é tudo falta de informação sobre o que é realmente ser vegetariano (é mais simples do que parece ser, rs).

 

Alguns dos meus pratinhos do dia a dia, pra vocês verem que não como comida feia nem sem graça, muito pelo contrário:

Lentilha, farofa de ovo e cebola, batatinhas assadas, abobrinha refogada, farofa de couve, feijão rajado…

 

Strogonoff de queijo minas e champignon, chuchu com pts de alho, purê de abóbora, feijão branco, farofa de pts…

 

Feijão bolinha, berinjela refogada, hamburguer de lentilha, purê de milho, arroz cateto com arroz vermelho, repolho…

onigiri com abacate, cenoura e pepino. nhammy!

 

É isso! Alguém já fez uma mudança do tipo assim na alimentação?

  • Mônica

    Eu não sou vegetariana, mas a maior parte das meninas que estudaram comigo são. Conheço bem de perto a dificuldade que é com relação ao entendimento das pessoas. Na verdade elas me apresentaram uns pratos maravilhosos demais da conta!

  • Stephanie Ferreira

    To acompanho seus pratos e aventuras pelo facebook e me inspirando, eu amo a culinária vegetariana apesar de não seguir, eu gosto de testar alguns pratos em casa <3

  • FERNANDA LUCENA

    Oi Re, eu n pretendo ser vegetariana! Gosto muiiiiiito de carne acho q só excluiria por instruções médicas mesmo hehehehehehehee mas n julgo quem se torna vegetariano ou vegano cada um procura seu melhor, se vc se sente bem e tá feliz com isso, maravilha! Eu sou péssima p comer verduras e legumes, mas achei seus pratos tão lindos que acredito que vc n esteja sentindo falta da carne. Vc cozinha o que gosta e isso é a melhor coisa! Parabéns pela atitude e por dividir isso conosco! Bjooos

  • Patthy

    Como bem disse a Jessica aqui nos comentários: "sentir falta" vai mesmo do gosto da pessoa. Eu por exemplo, não sou vegetariana e tenho zero vontades de frequentar churrascaria (inclusive, na última vez que fui não comi um único pedaço de carne - seria um prejuízo tremendo se fosse eu pagando o rodízio RISOS). O X das pessoas chatas é gente fiscalizando a vida alheia, independente do que comam (e do que você coma). Sua comida nunca vai ser boa o suficiente ("e as proteínas?", "nossa, mas quanto sódio", "você vai ficar comendo coisa industrializada?") e suas atitudes nunca são boas o suficiente ("ah, é vegetariano mas não é vegano", "recolhe animais de rua mas come carne", " tem um monte de animal em casa mas e as criancinhas famintas na África?", "ganhou o nobel da paz mas não resolveu os conflitos do oriente médio"). Complicada a humanidade, viu? Se todos tentassem de fato salvar o mundo na mesma medida em que cobram isso dos outros. DESABAFEI, disgurpa. hahaha Eu já presenciei uma cena dessas de "não tem carne, só presunto" e fiquei meio preocupada se a pessoa não sabia ou se tava se fazendo de boba.

  • Mari

    Quanto prato bonito, Rê! <3

  • Kika Diniz

    Adorei seus pratos! É vdd comer fora de casa as vezes nao é fácil nem pra quem está tentando a reeducação alimentar, quanto mais pra vegetarianos! 😕

  • Ludmila Almeida

    Quer ser minha vizinha? :O :O :O Fiquei com fome de ler seu post! :D

  • Jéssica Fernanda

    Eu gostaria muito de mudar, mas me conhecendo bem, sei que não consigo. Mas os pratos da minha bebê são todos assim. Não dei carne ainda pra ela e nem sinto vontade de oferecer e me irrito muito quando alguém fala que devo da uma coxa de frango pra ela -_-. A comida dela é só verduras e legumes e fica maravilhosa (as vezes como com ela) hahaha. Eu admiro muito quem consegue largar a carne e transformar a sua alimentação em algo saboroso e saudável. Amei o post e teus pratos me inspiraram em receitinhas para a baby Analu. Ah, meu menino tbm não curte muito carne e irei me inspirar em alguns pratos pra ele. Beijooos Rê.

  • Jessica

    Eu não sou e não pretendo ser vegetariana, no entanto tenho amigos veganos e vegetarianos então eu sempre estou atenta a esse movimento, sobre a alimentação, restaurantes que tem esse tipo de alimentação. E olha, apesar de não ser vegetariana não sou ALOUCA da carne vermelha, estou a 20 dias sem carne vermelha e realmente não sinto falta, tenho comido frutos do mar e frango. Esse lance de SENTIR FALTA acho que vai mais do GOSTO de cada pessoa, pq EU não consigo viver sem ovo, então se eu fosse vegana, com certeza eu sentiria falta do ovo, mas não pq é essencial mas sim pq eu gosto muito, assim como leite (que sou intolerante então estou tendo que diminuir e trocar pelo zero lactose. Concordo super sobre pessoas serem chatas e não vegetarianos especificamente, afinal o que eu escuto de gente falando: "nossa mas q como viver sem carne, nem peixe, e como vc repõe todo a vitamina, e não sente falta do rodízio da churrascaria? E vai fazer churrasco de legumes?" sempre num tom pejorativo sabe? Acho que as pessoas são chatas pq se importam muito com a vida alheia hahaha

  • Gabi

    Nem preciso falar que essa comida é maravilhosa e tudo que você faz como lambendo os beiço, uma escolha que logo farei, pq sim os melhores dias da semana são quando como ai, dá leveza de saber que você pode comer aquilo que a natureza ofereça sem depredação. E olha como você escreveu comida com o tempero certo pode ser qualquer coisa e chato é que não dá chance pra uma comida maravilhosa dessa.

  • Carol Justo

    Amei o post mas as fotos de comida são sacanagem vai... Não precisava disso cara. Adorei demais o seu post, já pensei demais em virar vegetariana, mas de tanto pesquisar acabei descobrindo que pra não matar alguns bichos, nós matamos outros. Sei lá... Mas ainda estou pensando na possibilidade. Eu amo comer demais, adoro experimentar coisas novas. Compartilha essas receitas migas Carol Justo | Pink is not Rose

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *