Categoria: Tutoriais

Mês das Crianças e arte com Melitta!

 

logo_larger

Ainda que a maioria das pessoas insistam em dizer que não possuem habilidade com arte, eu penso que só é preciso haver uma espécie de “resgate”. E esse resgate pode ser a partir de boas memórias da infância: cheirinho de bolo e café passado pela casa, uma tarde chuvosa e brincadeiras improvisadas. Eu confesso que duvidava, em meio à tanta disponibilidade tecnológica, que fosse possível mostrar um pedacinho dessa lembrança tão boa para meu filho, por exemplo. Mas bastou uma tarde e uns pedaços de papel para eu ver uma criança encantada com simples aviões de papel, e o surgimento de várias histórias pela casa!

 

Mellita, que já faz parte de muitas histórias como essa, é uma aliada à uma tecnologia que nos aproxima de boas lembranças: os filtros de café contém dupla costura e microfuros, que permitem aquele cafezinho mais gostoso e um cheirinho cativante passeando pela casa!  Casa com cheiro de aconchego, de conversas, de brincadeiras, de infância! E também, de arte que aproxima 🙂

 

Não é novidade as inúmeras maneiras de usar filtros de papel Melitta como arte, então, depois de fazer aquele café caprichado, os filtros de café ainda podem se transformar em algo divertido! Duvida? A Mellita preparou um vídeo-tutorial com um passo-a-passo bacanérrimo de como você pode usar seus filtros de papel, e também resgatar e criar novas histórias com o(s) seu(s) filhote(s). Basta seguir dicas simples, como por exemplo, preparar o filtro lavando bem após o uso e dar início à brincadeira. O restante não vai contar com habilidades de profissional: basta juntar as crianças da casa e se divertir seguindo esse tutorial especial para o mês das crianças!

 

 

 

 

 

 

catavento_pronto

 

Para saber mais novidades sobre os Filtros Mellita, não deixe de acompanhar nas redes sociais:

Facebook

 Pinterest

Youtube

Instagram

 

publi

Como fazer: Molduras de papelão forradas com feltro (e pôster de gatinho para download!)

Oi! Tudo bem com vocês?

Há algum tempo vi e compartilhei uma foto com umas molduras lindas forradas com tecido, mas nunca encontrei a fonte da imagem, nem como eram feitas. Então, catei o material que eu tinha aqui e fiz do meu jeito. Mas como foi mais um teste, fiquei devendo um tutorial. E finalmente, o fiz, com muitas fotos, pra ficar bem explicadinho mesmo. Acho que dá para fazer várias versões do mesmo tutorial, o importante é você encontrar seu jeitinho, colocar o que acha melhor, sabe? Mas a ideia taí, então mãos à obra!

 

moldura-papelao-18

 

moldura-papelao-1

Material:

– Feltro ou tecido; (eu usei feltro por ser mais durinho e mais fácil de trabalhar)
– Régua;
– Lápis e caneta;
– Tesoura;
– Estilete;
– Pedaços de papelão;
– Cola branca

Materiais utilizados que não estão na foto: pincel (para passar a cola), pedaço de TNT e fita dupla face 3M (para fixar a moldura na parede).

UPDATE: A Fernanda fez um comentário no post que achei super útil acrescentar aqui:

"Para quem for usar tecido, minha sugestão é: passe termolina leitosa no tecido inteiro e deixe secar de um dia par ao outro. Ele ficará durinho como um papel cartaz e não desfiará. A termolina leitosa parece uma cola branca diluída, mas não deixa brilho como a cola (eu prefiro o acabamento fosco da termolina). Um tubinho custa cerca de 5 reais e dá para impermeabilizar um pedaço bem grande de pano."

 

 

moldura-papelao-20

Comece marcando o papelão com ajuda da régua e lápis nas medidas que desejar.

 

moldura-papelao-21

Com o estilete e muito cuidado se não quiser ficar como o Lula, retire a parte interior da marcação, o resultado será como na segunda foto.

 

moldura-papelao-22

Agora é hora de marcar o tecido. Coloque a moldura em cima do tecido, com cuidado para não movê-la enquanto marca. Faça marcações na parte interior e exterior, do lado avesso do tecido ou feltro. Eu fiz com 2,5 cm, dá para fazer maior, mas não menor do que isso senão dificultará na hora de colar e o acabamento pode ficar estranho.

 

moldura-papelao-23

As marcações ficarão como na foto à esquerda. Depois de cortado, ficará como na foto da direta.

 

moldura-papelao-24

Agora é hora de voltar para a moldura de papelão cortada. Passe cola nela inteira, apenas de um lado, e cole em cima do tecido com cuidado.

 

moldura-papelao-25

Para a parte de trás da moldura, faça um corte no tecido/feltro como na foto da esquerda, somente até a parte da moldura, para que você possa colar a parte de trás do tecido. Cuidado para não cortar a parte de papelão, tá? Para colar, eu usei cola quente, mas pode ser usada a mesma cola branca, só colocar algo para segurar enquanto a  cola seca.

 

moldura-papelao-27

E aí você pensa "Mas vai ficar ASSIIIIIIM???", fica tranquilo! Corte o outro pedaço de papelão, mais ou menos na medida da moldura, e forre com um tecido simples. Eu usei TNT, não a bomba, e sim aquele tecido muito usado por professoras do Jardim I e que custa uma mixaria. Isso vai servir para apoiar a figura que você irá colocar. Passe cola somente na parte de baixo e nas laterais, deixando a parte de cima aberta. A moldura ficará como um "envelope" e você pode trocar a  imagem sempre que quiser. Quer ver como?

 

moldura-papelao-17

Assim ó! Diz aí se não é genial, hãm, hãm?

moldura-papelao-19

A minha moldura ficou assim. Fiz a impressão numa gráfica, e pedi em papel couche, com impressão à laser.  Dica: a maioria das gráficas parecem não entender de impressões e ainda cobram caro…  então se você tiver uma impressora em casa, coloca para imprimir na qualidade máxima (vai gastar bastante tinta, PRE-PA-RA!), compra um couchezinho e vai ficar perfeito! Já fiz isso com outras imagens aqui em casa e dá super certo. Não dá para ver na imagem, mas onde imprimi essa imagem, deixaram toda pixelada 🙁 fueeeeem

E para quem quiser, a imagem que fiz para o pôster (17 x 26 cm). Afinal, gatinhos não massageiam só a sua barriga, mas também nosso coração!

poster-gatinho

Download pôster

 

Não gosta de gatinhos ou quer fazer com outras imagens?

Alguns sites com imagens super bacanas para pôsteres: AQUI, AQUI, AQUI (esse é o meu favorito!) e AQUI. Só cair dentro!

E aí, gostaram? CRUJ CRUJ tchau!

 

 

 

 

 

Dá para fazer: Tiara de corações

Outro dia eu vi num site (que é de babar de tanta coisa linda) uma tiara com lantejoulas vermelhas em formato de coração e fiquei louca por uma. Uma porque amo tudo que tenha formato de coração. Outra porque amo tiaras diferentes. E a última e não menos importante: eu AMO brilho! O modelo é super fácil fazer e é preciso pouquíssimo material:
– Cola quente
– Feltro ( o ideal é que seja da mesma cor da cor da lantejoula que você for usar)
– Tesoura
– Lantejoulas (essas já vem unidas por uma linha)
– Uma tiara ou elástico
Vá passando cola quente e colando a “fita” começando da extremidade até o meio. Se ficar algum espaço vazio, é só colocar uma lantejoula para preencher depois de terminado.
O resultado final será esse (gastei cerca de 1 metro dessa fita que custou 0,80 aqui na minha cidade)

E o resultado: Pô, Vitrola! Você é daltônica por acaso ou não sabe que seu cabelo também é vermelho, e vermelho com vermelho não destaca nada??? hahaha!
Mas dá para vocês verem mais ou menos como fica cute, né?
E para se inspirar ainda mais (ou para quem não curte tiaras), aqui tem mais 6 ideias:

123456

Um final de semana cheio de amô procêis!