Eu fico, se tiver bolo de verdade

Hoje de manhã (manhã, cof… 1h da tarde depois de dormir às 5 da manhã…) acordei com a minha vizinha batendo na porta, me trazendo um pratinho de bolo de chocolate que ela havia feito. Pausa para enfatizar –  eu tenho vizinhos fofos gente, do tipo que chama pra almoçar, leva guloseimas, enfim… só gente bacana, de verdade – e era um bolo delicioso. Um bolo de verdade, feito em casa, com cobertura e um milhão de calorias charmosas.

E eu bati na mesma tecla com meu marido, e que eu bato com todo mundo: cadê os bolos DE VERDADE? Todo mundo faz bolo bonitinho em casa, eu sei. Mas cadê aquele bolo gostoso das festas de aniversário de antigamente? Com glacê de verdade, recheio de doce de leite (ou coco, ou chocolate…) e massa que não seja com 1cm de espessura (nem de pão de ló)? Cheguei à infeliz conclusão: bolos de verdade estão em extinção.

Eu lembro de ir às festas e ficar muito feliz quando o tema era futebol. Isso era certo que o bolo seria de glacê com um coco ralado colorido molhadinho por cima. E aquilo era muito bom! Fora a cartela de cores totalmente previsível, feita com muito carinho por aquela tia que sabia muito bem o tom de rosa para um festa de menina.

                                         Bolo infantil rosa e branco glace real 004

Hoje em dia, muita gente já torceu o nariz enquanto me ouvia dizer isso. Mas foi só em um dos meus aniversários eu fazer um bolo “à moda antiga” para todos virem no final elogiar e perguntar aonde eu tinha comprado. Confirmei o que já presumia: todo mundo gosta, mas não lembra!

                                                  Screenshot_6

Então, quando for fazer aquela festinha íntima para os amigos, não pense duas vezes: faça um bolo! Esqueça aqueles bolos bonitões e aparentemente suculentos de padaria, abarrotados de chantilly com gosto de nuvem…  E caso cozinhar não seja seu forte, procure por uma boleira… elas são raras, mas ainda existem. Será sucesso garantido!

ps: isso também vale para os docinhos, cada vez mais extintos. Cajuzinho, I need you! E um beijo pra Lu que me deixou dias atrás morrendo de invejinha porque ela saboreou tuuudo isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

35 pensamentos em “Eu fico, se tiver bolo de verdade”