A arte de Vassourar

Meu marido e eu somos um casal que adora conhecer gente nova, marcar uma ida ao barzinho, chamar em casa e preparar comidinhas. Mas somos reservados: gostamos de CONVIDAR. E desde criança, nunca fui fã de visitas surpresas. Hoje então, tenho pavor, principalmente se a casa estiver uma zona e for fim de mês…
Mas, quando era criança, assistindo novela com a minha mãe (creio que na época passava “Éramos Seis”) vi uma cena em que uma das personagens colocava uma vassoura com sal atrás da porta. Perguntei para minha mãe o que significava aquilo, e ela explicou que era um simpatia muito antiga para espantar visitas indesejadas.
Minha mãe tinha uma amiga que era bem inconveniente: falava “sinceridades” demais, xingava muito e aparecia em casa nas horas mais imprevisíveis. E um tal dia, ela apareceu em casa por volta das 10 da noite… não pensei duas vezes: corri pra  a cozinha e coloquei a vassoura atrás da porta. Mas não sabia onde ficava o sal e gritei da cozinha: “MANHÊÊÊÊÊÊ! CADÊ O SAL PRA JOGAR NA VASSOURA???“.
A moça olhou meio boquiaberta, se levantou, disse qualquer coisa e foi embora. Impressionada, virei para minha mãe e disse: “Caraca mãe! Funciona mesmo!”
Hoje em dia, obviamente, não acredito em simpatias… a verdade é que as “indiretas diretas” funcionam muito mais, hehe!
                                    103263125
                                                        Vassouras: 1001 utilidades.

11 comentários em “A arte de Vassourar”

  1. Como eu tô rindo! detalhe: em sala de aula. (chata pra caramba)

    Visitas sem hora marcada, são muito inconvenientes.
    Também fazia quando criança e acreditava piamente em sua eficácia.

    Beijo, querida.

  2. Hahahahahahahahahahahahhahaahahah

    Dando certo ou não, eu sempre usei essa tática, que foi ensinada por minha mãe.

    Da última vez foi engraçado, porque eu recebi aquela visita aos 45 do segundo tempo e de uma pessoa insuportável. Serinho..eu já estava pedindo forças em minhas orações para dizer nas fuças o quanto ela era chata.
    Daí que essa amiga chegou em um momento bemmm desagradável e por mais que eu falasse que estava atrasada para algo, ela resolvia ficar mais. Foi então que lembrei da técnica da vassoura e a coloquei atrás da porta do meu quarto.
    Resultado: a amiga maleta resolveu ir até o meu quarto e ficou encostada na porta..quando ela se afastou, a vassoura caiu. Em situações normais eu ficaria morta de vergonha, mas eu dei mesmo foi muita risada. Ela pegou a vassoura e ficou perguntando o que uma vassoura fazia atrás da porta e eu ria mais ainda. Hhahhahahaha

    Ah, e não adiantou, porque ela não foi embora. =(

  3. kkkkkkkkkkkkkkkkk murry, imagino a cara da sua mãe…
    a tia do meu marido, fazia muito isso, e quando a visita era muito chata, além da vassoura atrás da porta ela ainda colocava um pano de prato dobrado dentro do forno,rsrsrsrsrs
    Tbém não acredito em simpatias, mas detesto visita surpresa, pelos mesmos motivos seus,rsrsrsrsrs…
    Grande bj, querida e boa semana!!!

  4. huahuahuah Sensacional! Nada como a inocência de uma criança para resolver os problemas que as simpatias não conseguem.
    Apesar de que, lá em casa, somos cheias de mandingas… E elas resolvem, viu! ;D

    Bjs!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *