Gostou? Então compra

Não tem muito tempo que comecei a participar de feiras – locais e em outras cidades – e não tem muito tempo também que hoje em dia, pondero um milhão de vezes, pois nem sempre é um baixo investimento. Já participei de feiras em que saí com o triplo do valor de tudo que investi e já houveram feiras em que eu tive tanto prejuízo com a falta de retorno que quase fiquei sem pagar o aluguel. Infelizmente, esta segunda aconteceu mais vezes.

Uma das inúmeras feiras que participei

Mas vamos falar de coisas que a maioria de nós artistas temos vergonha de falar: você gostou e achou muito linda mesmo esta arte? Então leva. Ela não tem um valor inestimável, não tô vendendo a Monalisa. Certamente, é um valor que alguém – e talvez, seja você – consegue pagar.

Elogios são um grande estímulo, porém não é tudo. Assim como likes não dão dinheiro (não necessariamente), apenas elogios também não pagam as contas (eu adoraria). Quando um artista se dispõe a participar de uma feira ou coloca um produto para vender, o investimento já ocorreu. O produto foi feito, o tempo foi gasto, a expectativa de venda foi criada.

Aí tem o passeadores de feira. Aqueles que surgem lindos, descolados, com seus tênis que custam meu aluguel + a ração dos 5 pets e saem de lá com as mãos abanando. Já participei de feiras em que as pessoas ficavam horas elogiando meu trabalho e não levavam… nada. Nem um adesivinho que costumo vender nas feiras por 1 real cada. Um kit com 3 ímãs sai a 10 reais. Os mini pôsteres, 10 reais. Não levavam… nada. Um fenômeno interessante, já que em feiras sempre rola divulgação dos artistas que irão participar e os mesmos sempre se antecipam dos produtos que irão levar.

Tenho um amigo que está tentando vender seus livros de poesia a R$10 e nem mesmo as pessoas que gostam do que ele posta e consomem o conteúdo dele desembolsam este valor TÃO ALTO (sendo irônica). Eu me pergunto: mas… por quê?

minha cara quando a pessoa pede desconto em produto que custa 10 reais :((((

É por isso que alguns artistas desistem, desanimam. A solução para isso tá em livros sobre o assunto, numa terapia, num consultoria, num passeio pra esvaziar a cabeça. SOZINHO é muito complicado, tem dias que dá vontade de desistir de tudo. E adivinha? Essas coisas custam dinheiro. Já viu quanto custa uma “imersão” artística? É papo pra 1000 contos, meuzamigos. Sentiu o impacto da bola de neve, né? NÃO FECHA, gente.

Então, da próxima vez que você for a uma feira, separe uma parte do seu dinheiro e compre nem que seja o produto mais barato de todos os stands que você conseguir. Se você for abastado, compre o mais caro, mesmo. Eu te garanto com TODA CERTEZA que este artista vai ficar muito agradecido. Dinheiro é necessidade, e saber que as pessoas estão levando nossa arte para casa e pagando por ela é algo bem importante. Caso contrário: fique em casa e deixe para levar sua roupa de grife a outro passeio que você esteja mais disposto a pagar.

Obrigada, de nada.

3 comentários em “Gostou? Então compra”

  1. É exatamente isso,, infelizmente.
    Comecei a participar de feiras no ano passado e sei bem do que você tá falando.
    E acho que, pior do que super elogiar e não levar nada, é aquela pessoa que tem a audácia de querer colocar preço no nosso produto. “Nossa, mas tudo isso? É tão facinho de fazer.” Cara, que raiva.
    Mas a esperança é que as coisas mudem, né?

  2. Oi Rê, tudo bem?
    Eu sou fotógrafa desde 2012, quando fiz o curso do Senac e fotograafei o aniversário de casamento dos meus avós ( Bodas de ouro) sem muitas técnicas… Somente a supervisão do cinegrafista da festa… Fui me aprimorando …. fazendo cursos…. Até pensei em fazer uma segunda faculdade porque não?

    Desde então, cai na besteira de fazer alguns trabalhos de graça… Para “fazer nome” para ” ter o trabalho reconhecido” e as pessoas ficam ofendidas quando digo que agora eu vou cobrar para o meu trabalho. Sou fotógrafa e a minha renda depende disso….

  3. Nossa, isso é tão real :/
    Eu hesito demais em ter uma lojinha virtual, por medo de investir em prints, embalagem, site, e ninguém comprar. Tenho o termômetro do colab55, as pessoas elogiam, acham lindo, até PEDEM para eu colocar determinados produtos lá, e não compram. Aí desisti, quando entra alguma coisa pela loja, ok, mas deixou se ser minha prioridade.
    Quando exponho originais também, todo mundo fotografa, pede o contato, segue nas redes, mas ninguém compra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *