Um maiô pela auto-estima

bayEu cismei de comprar um maiô. E, assim saí de casa, destinada a entrar numa loja, encontrar o maiô dos sonhos e correr na praia feito Pamela Anderson (pelo menos na minha imaginação…). Mas como sempre, espectativas e realidade é tipo raspadinha barata: às vezes até dá alguma coisa, mas bem menos do que você imaginava.

Debaixo de um sol quente, entrei na loja esbaforida e certa de ter perdido alguns quilos, inclusive. Tive certeza disso até perguntar para a atendente: “Você tem um maiô, assim, mais moderno?”. Disse assim pois havia uma senhora perto… porque na verdade com vendedoras, em sua maioria você precisa ser o mais objetivo possível. E minha descrição seria “Olha, eu não quero parecer uma senhora de 70 anos! Entendeu?”.
Ela fez um contorno rapidamente em minha imagem, e soltou: “Para gestante???”
Ok.
Ok.
Ok.
COMO assim para gestante? Soltei um “não!” fraco, mas na verdade porque havia perdido o fôlego tamanha indignação.  Enquanto ela procurava o maiô, olhei para minha circuferência abdominal e constatei que talvez ela não estivesse tão errada… mas… grávida? Ai.
Ela trouxe o maiô. Não, não era bonito. Antes de sair, comentei: “Acho que mudei de idéia. Vou comprar um biquíni mesmo. Já tenho um em vista numa outra loja. Obrigada, tchau.”
Pela primeira vez na vida, me incomodei por me sentir incomodada com meu corpo. Desencanei. E só para constar… sim, eu comprei o biquíni. Lindíssimo. Só não corri na praia, sabe como é, né…

42 comentários em “Um maiô pela auto-estima”

  1. Eu teria chorado ali mesmo!
    Pelo menos você não comprou nada, né, senão ela teria ganho uma comissãozinha!

    Você olhou em C&A, Marisa, Carrefour? Lá tem uns maiôs legais, lembro que comprei um florido liiiindo acho que na C&A! Durou bastante, vários anos, praias e piscinas!

    Beijo!

  2. Na dúvida, não pode perguntar se tá grávida kkk

    Vi seu blog no Volta, mundo blogueiro e li os dois primeiros posts de lá. Me indentifiquei… tenho saudade da época dos blogs que não tinham intenção de lucrar nada, nem ficar fazendo propagando de produtos… a maioria é igual! O meu existe desde 2001. Mudei recentemente do Blogger para o WordPress, por isso estou editando os posts aos poucos. Era do tipo diário, então tem muita coisa que é melhor deixar privado rsrs

    Parabéns pelo seu blog, pois é um dos poucos que dá vontade de voltar sempre.

    Beijos!

  3. Gente. Como assim? Certa vez eu fui muito “bem” tratada numa joalheria aqui no Rio. Eu estava a procura da minha aliança e, ao passar pela vitrine, uma delas me chamou a atenção. Belê. Eu e o noivo (na época) entramos na loja, pedimos para ver as alianças e, quando percebi que o modelo masculino também tinha uma pedra, perguntei se eles faziam a aliança naquele mesmo modelo, mas sem o diamante. Eis que a dona-moça me responde: “É o mesmo preço”… Eu olhei pro Fábio e perguntei, com a melhor cara de maluca que sei fazer: “Amor, você ouviu eu perguntando o valor da aliança?”. E sai da loja. Ah, eu heim.

    É com tamanha indignação que eu te informo: te indiquei pra um meme. Hehe…

  4. Sério que ainda há gente nesse mundo que tem a falta de noção de perguntar se tu está grávida mesmo sem te conhecer? Pode apostar que a loja dela não demora a fechar. Pense na falta de noção dela. Não é possível que seja vendedora. ¬¬

  5. Minha mãe já passou por isso em vários lugares e sempre morre de rir! Até em fila de banco ela já passou na frente de todo mundo :B
    Essas vendedoras são sem noção! Biquini sempre fica melhor mesmo.

    bjos

  6. Gente, eu ri muito, mas calma, não se desespere, eu ri da situação, imaginando como seria se tivesse acontecido comigo. Eu rio em situações dessas, de nervosismo. GENTE, comassim a vendedora achou que vc tava grávida? Vc é tão magrinhaaaa! Indignação total! u.ú

    Beijos,
    May ;*

  7. Apesar de estar gordeeenha sempre uso biquini, adequado ao meu corpo claro!
    Um dia passei por um momento constrangedor quando uma senhorinha insistia que eu sentasse no banco especial do metrô, depois de uns minutos caiu a ficha, como estava usando uma batinha, a senhora deve ter pensando que eu estava grávida >_< #FAIL

  8. Tem vendedora e algumas pessoas, que precisam receber um pacotinho com um simancol antes de abrir a boca, viu?
    Nem esquenta e que bom que voce foi educada e elegante, deu uma resposta exemplar, saiu da loja e ainda encontrou algo que gostou.
    Eu nunca fui fa de biquini, entao nao posso ajudar muito, mas o mais importante e’ voce se sentir bem.
    xxx
    Gra

  9. Só mesmo uma pessoa babaca e deselegante pra soltar uma dessas. Nem leve em consideração o que pessoas deste tipo falam, sério. Nem vale a pena ligar. E que bom que você foi estilo Brigitte Bardot à praia. Precisamos parar de nos encucarmos, porque desse jeito o problema só piora e não resolvemos nada.
    Beeijos, Rê. <3

  10. Liga não, essas tias são todas malucas. Outro dia uma mulher do meu serviço perguntou pra uma amiga minha super magra se ela não estava grávida. O povo não aprende, é o tipo de coisa que não se insinua pra ninguém!
    E vá correr na praia com seu biquini, vc merece!

  11. Minha única lembrança com maiôs foi quando eu tinha lá meus 12 anos e minha mãe resolveu que a família toda ia desfilar de amarelo. Até que depois do primeiro mergulho, olhando pra minha irmã e pra mim, descobri que ERAM TRANSPARENTES. Pagamos pererecas na praia, super fyno. HAHAHAHAHA Fiquei traumatizada e sentada escondida até irmos embora.

  12. Se tem uma coisa que me irrita é vendedora intrometida, abusada, desse jeito! Já fui vendedora mas sempre respeitei o cliente, ofereço ajuda mas mantinha distância para que ele se sentisse a vontade e o que eu vejo hoje é muita falta de respeito, já passei por N casos e já ouvi também de conhecidas, é constrangedor pro cliente este tipo de coisa. Estar grávida ou acima do peso não é da conta de ninguém ¬¬ Mas sobre usar biquini ou não, todas as poucas vezes que fui a praia vi tanta gente usando e nem ligando que acabo abstraindo e usando também, dane-se a sociedade 😀

  13. Mas que falta de bom senso, heim?! Mulherzinha deselegante, realmente. Eu emagreci 35kg e antes disso passei por situações bem chatas também, SEMPRE me perguntavam se eu estava grávida. Acho que isso foi até um empurrãozinho para eu começar a dieta, mas depois percebi que o importante é nos sentirmos bem com a gente mesma, não dependendo do que a balança diz.

  14. Ai, Renata, sei como é essa vida, viu? Estou num desafio esse ano e pretendo emagrecer 10kg até dezembro. Vai ser difícil manter a dieta, mas serei firme.
    Nunca gostei muito de biquini nem quando eu era magra. Agora então, viiiiiish. HAUEHUEEHUEHU
    Mas acho que essa vendedora deve ter exagerado, hein. Dá pra distinguir gordura de gravidez, viu?
    Beijão!

  15. Eu comprei um maiô. Sabe, eu nunca me senti bem de biquini, de verdade, mas é aquela coisa: todo mundo usa, gordinha usa, celulítica usa, magricela usa, baixinha usa, altona usa… TODO MUNDO USA! Não entendo todo esse negócio que rola de “vestir o que cai bem no corpo de cada uma” durante o ano inteiro, mas daí na praia é BIQUINI EM TODAS. Sério, eu não me sinto bem de biquini não por não gostar do meu corpo, mas por que não combina comigo, sei lá.

    Maiô preto liso, lindinho. Queria que fosse um 60s, mas não encontrei em lugar nenhum (só na internet e muito caro).

    Beijos!

  16. Já passei por isso, não pra comprar um maiô (que aliás, é um sonho de consumo) mas por um vestido. Cheguei e falei pra atendente: olha, vou levar esse daqui. Daí ela disse: ah, mas ele vai apertar quando a barriga começar a crescer mais. Pra quando é o bebê?
    E eu (com uma cara de “virei psicopata de um filme do Hitchcock”): Mulher, eu não tenho nem namorado e você está me falando de bebê?
    E ela: Ah, mas então é produção independente?

    Eu pedi muita paciência pra Deus na hora. Dei um sorriso disfarçado, me controlei ao máximo e disse: não há nenhum bebê, eu apenas estou um pouco acima do peso. Algum problema com isso?
    Ela pediu pra morrer na hora. Coitada. haha
    Tenso isso. Mas um dia eu comprarei um maiô só pra fazer pose na foto. :p

  17. Até pouco tempo atrás eu usava biquini e não estava nem aí pra quem achasse ruim, o problema não era meu. De uns tempos pra cá estou usando maiô, mas não estou nada satisfeita… Acho que vou voltar a usar biquini e dar as costas pra sociedade! hahahahahaha

    Afinal, só quem já foi em Caldas Novas e viu a mulherada que vai pra lá de biquini sabe que qualquer uma de nós é uma princesa…rs

    Beijos
    Tati

  18. Comprei um maio para a natação, dai eu pedia tamanhos G e GG e parecia um balãozinho estranho com um bucho estranho, mas dai estranhei quando um tamanho M me coube tão bem e me deixou levemente sexy ( não igual a Pamela Anderson, mas né) eu comprei e fiquei feliz! Vc poderia ter entrado em outra loja talvez…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *