vitrola-indica category image

Por um triz – um gráfico sobre psicologia do consumidor

23 de outubro de 2014 às 20:38 | Arquivado em: Vitrola Indica

Você sabia que quase 70% das compras online são interrompidas na hora do checkout? Fosse um ser humano, a sensação seria de um noivo sendo deixado pela noiva no altar. Porém, mesmo sem causar danos à sensibilidade por ser uma mera transação comercial, o índice pode ser considerado gigantesco. Em média, de acordo com 22 diferentes estudos sobre comércio eletrônico, 67,4% das compras são interrompidas na hora do checkout. Ou seja, a cada três clientes que estão prestes a fechar o negócio com as lojas online, dois deixam de fazê-lo no último momento.

 

Esse índice preocupante levou a um estudo mais profundo para descobrir as razões que levam a pessoa a depois de pesquisar pela mercadoria desejada, verificar se tem direito a cupons de descontos, conhecer mais sobre o produto, colocar o item no carrinho de compras e pedir para finalizar a compra, simplesmente desistir ao chegar ao caixa virtual.

 

Custos escondidos são principal causa do rompimento da relação. A pesquisa "Psicologia do Consumidor & E-Commerce Checkout – as estatísticas e hábitos atrás de cada clique do consumidor" entrevistou mais de 1.200 compradores que usam internet para descobrir as razões do abandono e o principal motivo para o rompimento abrupto desse relacionamento foi a "traição" do noivo.

 

De acordo com o estudo, 41% dos consumidores deixaram a loja de mãos vazias por, na hora do checkout, terem descoberto que haveria custos adicionais para realizar a compra. Esse preço não havia sido explicado nas fases anteriores do processo de compra. Na prática, se sentiram enganados pelo vendedor.

 

Outro motivo significativo para a desistência foi a necessidade de fazer o registro junto à loja antes de concretizar a transação. Essa razão foi alegada como causa da desistência por 29% dos entrevistados.Falta de informação e demora também influem na decisão.

 

 A lista de fatores que causaram o abandono da compra tem ainda outros três itens com destaque. Do total de entrevistados, 11% desistiram do processo por não encontrarem informação sobre a entrega do produto que estavam adquirindo. Outros 10% não tiveram paciência. Alegando demora no checkout, desistiram da compra. Por fim, 8% não prosseguiram pela falta do fornecimento de um número de telefone para que se entrasse em contato com o vendedor.

 

Outros motivos somados representam o 1% restante. O perfil dos compradores mais propensos à desistência foi apontado pela pesquisa. Homens com idade entre 25 e 44 anos são os consumidores com maior probabilidade de abandonar o negócio antes de sua conclusão se algo não lhes agradar.

 

 

 

BR_EcommerceFinal_CS6-1

Fonte: www.vouchercloudbr.com.br/

 

cbblogers post patrocinado

cena-feminina category image

Fofura do dia: bonecas “híbridas” de bichinhos!

18 de outubro de 2014 às 09:15 | Arquivado em: Cena Feminina

Postei na página outro dia uma boneca que eu havia encontrado no Pinterest e tinha ficado apaixonada: uma boneca com cabeça de gatinha! Algumas pessoas ficaram curiosas para saber onde vendia, e eu também. E lá vamos nós caçar onde vende uma boneca com cabeça de gata. Mas… pera. Esse corpo não é de Blythe? Até que, durantes as pesquisas, acabei parando num grupo do Flickr, onde confirmei a minha suspeita.

 

bonecas-híbridas-10

 

O modelo postado na verdade, era um "híbrido" de Blythe (ou semelhante) e a cabeça de um Littlest Pet Shop (lembram?). Caçando mais um pouquinho, encontrei transformações maravilhosas, aparentemente com Pullips e Licca também, e até cheguei a ver algumas com Barbies. Tudo isso me deixou ainda mais apaixonada e louca para fazer uma, e já ando namorando algumas Monster High para a primeira experiência. Tudo isso sob o olhar atento do marido de "sério memo?" rs. É, sumemo. E se reclamar, vai ter duas! xD

 

 

bonecas-híbridas

Lucy

 

bonecas-híbridas-2

Maria Soares

 

bonecas-híbridas-3

Pixie Poo

 

bonecas-híbridas-4

Pixie Poo

 

bonecas-híbridas-5

Giulietta Degli

 

bonecas-híbridas-6

Giulietta Degli

 

bonecas-híbridas-7

Giulietta Degli

 

bonecas-híbridas-8

Giulietta Degli

 

bonecas-híbridas-9

Carla Chaves

 

Vomitei um arco íris duplo fazendo essa pesquisa, vai vendo…

na-cozinha category image

Na cozinha da Vitrola: Vontade de pizza!

16 de outubro de 2014 às 18:01 | Arquivado em: Na Cozinha

Outro dia bateu aquela vontade master de pizza. Mas ultimamente andamos com uma de$$ânimo total de pedir pizza delivery, ir até o restaurante então… nem pensar. Mas cozinhar é legal. Cozinhar a dois então, é divertido, e parece que as receitas ficam ainda mais gostosas de fazer. Fora que é bacana ficar conversando depois, das próximas vezes que faremos, o que podemos acrescentar, melhorar… uma verdadeira terapia alimentícia, rs.

 

Tudo que precisamos foi irmos no mercadinho (que é do lado de casa) comprar queijo, molho e fermento biológico. O resto usamos o que tínhamos em casa. Os sabores escolhidos foram muçarela (tá certo?) e portuguesa (portuguesa do RJ e não portuguesa de SP). Dica: a linguiça portuguesa da Sadia é muito boa pra pizza! Aliás: essa linguiça é vida! ♥

A receita da massa usamos uma de um blog que não lembro, que só lembro que tirou do Panelaterapia.

 

Ingredientes:

3 xícaras de farinha

1 copo americano de água morna (obs: aqui usamos quase 2… vai colocando aos poucos e vendo o ponto da massa, até desgrudar das mãos, nem muito dura, nem muito molenga)

3 xícaras de farinha de trigo

1 saquinho de fermento de pacotinho

2 colheres de sopa de azeite

1 colher de chá de açúcar

1 colher de sobremesa de sal

2 colheres de leite em pó (integral ou desnatado… eu usei integral mesmo)

 

Junte todos os ingredientes até ficar bem misturadinho (vai, pokemón!), coloque num pote, cubra com pano de prato (limpinho, hein? ó as bactéria!) e deixa descansar por meia hora. Colocar dentro de um microondas ou forno (desligado) ajuda também, mais abafadinho. Ligue o forno pra pré-aquecer. Depois, só esticar a massa com rolo (ou com o que você tiver em casa), numa superfície um tiquinho enfarinhada para não grudar. Não precisa se preocupar em ficar super redondinha. Eu untei a forma com bastante azeite, coloquei a massa na forma e fiz uma bordinha de acordo com o formato da forma, e plim! Pizza redondinha!  Eu fiz também alguns furinhos na massa com o garfo. Não sei se é necessário, mania minha ao fazer massas. Agora só colocar seu recheio favorito e levar ao forno por mais ou menos 8 minutos, e voilà!

 

pizza

 

Tá que não é uma CÉÉÉÉÉUS QUE PIZZA MAIS LINDA DA GALÁXIA PÚRPURA, mas garanto que tava deliciosa. E ficou melhor ainda quando virou  nosso almoço no dia seguinte xD